Domingo, 25 de Junho de 2017
Adicionar a Favoritos RSS Facebook Linkedin Twitter Wordpress
   
Selecione abaixo:



Anuncie AQUI
Celebridades GLBT
ClicRN
Estadão
Folha on Line
Istoé
Jornal da Paraíba
Paradas gays - News
Portal de Picos
Portal Terra
Saúde
Ultimas Notícias
Outras notícias
Alemanha anula condenações de 50 mil gays por lei nazista
Silenciar os homossexuais na Rússia
Trilha ecológica LGBT no Rio acontece nesse sábado
A Marcha para Jesus, a Parada LGBT e a dignidade humana
Após denúncia de suposto ex-namorado, Dudu Camargo nega ser gay

'A sociedade está assimilando melhor a cidadania do homossexual'

16/03/2017:

 

Marta tem história pela luta dos direitos de homossexuais desde a década de 1990 na Câmara dos Deputados

 

Autora do Projeto de Lei do Senado (PLS) 612 que pretende alterar o Código Civil para reconhecer o casamento entre pessoas do mesmo sexo, a senadora Marta Suplicy (PMDB-SP) disse acreditar que o Senado está mais maduro. O projeto foi aprovado por unanimidade na semana passada.

“Acredito que tenha sido uma demonstração da maturidade do Senado”, disse Marta à revista Veja. “O tempo muda convicções e deu para perceber pela votação que a sociedade está assimilando melhor a questão do respeito e da cidadania do homossexual.”

“Se fosse há dez anos, esse projeto não teria sido aprovado. Quando apresentei a proposta em 1995, não se podia nem usar a palavra ‘casamento’, usávamos ‘parceria civil entre pessoas do mesmo sexo”, disse Marta.

Sobre a aprovação do projeto na Câmara, para onde ele vai depois do Senado, Marta acredita que os parlamentares conservadores vão conseguir explicar ao seu eleitorado que esse direito dos homossexuais já foi conquistado pela decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em 2011 e que o projeto apenas torna lei uma decisão do STF.

 

 

http://paroutudo.com/2017/a-sociedade-esta-assimilando-melhor-a-cidadania-do-homossexual-diz-marta-suplicy/

 

 

Comente esta matéria
Título: 'A sociedade está assimilando melhor a cidadania do homossexual'
Seu nome:
Seu Estado:
Seu e-mail:
Comentário:
Segurança: Confirme o código:
OBS.: Nos reservamos o direito de deletar toda e qualquer mensagem contendo palavões, baixarias ou até mesmo termos homofóbicos. Favor respeitar as devidas fontes de cada matéria.
Comentários
Não há comentários.