Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018
Adicionar a Favoritos RSS Facebook Linkedin Twitter Wordpress
   
Selecione abaixo:



Anuncie AQUI
Celebridades GLBT
ClicRN
Estadão
Folha on Line
Istoé
Jornal da Paraíba
Paradas gays - News
Portal de Picos
Portal Terra
Saúde
Ultimas Notícias
Outras notícias
STF vota fim da proibição de doação de sangue por homossexuais
Jovem é agredido e ameaçado de morte, em festa, por ser homossexual
Dragon Ball Super: Elenco fala sobre possibilidade de Whis e Bills serem gays
Doação de sangue e o Supremo: saúde e igualdade
Frota perde ação, diz que juiz é do movimento gay e “julgou com a bunda”

LGBT do DF e Entorno poderão fazer denúncia via Whatsapp

22/04/2016:

 

O Whatsapp passa a ser forma de fazer denúncia de discriminação contra LGBT e de pedir apoio social. O serviço é oferecido pelo projeto Plurais, feito pela ONG brasiliense Palco e financiado pelo Departamento de DST/Aids e Hepatites Virais, do Ministério da Saúde.

Pelo número 61 9371-4879, não só LGBT como também pessoas soropositivas para o HIV e para as hepatites virais poderão solicitar informações sobre saúde e direitos e solicitar assistência jurídica, psicológica e social.

A recomendação da ONG é que o público-alvo insira o número do Whatsapp assim que souber do projeto. Assim, fica mais fácil acessar o serviço quando for preciso. A partir de 29 de maio, o telefone ganha o dígito nove na frente.

O serviço funciona sete dias por semana. As respostas podem ser dadas instantaneamente ou, em casos mais complexos, em até 48 horas em dias úteis.

O projeto atuará principalmente no encaminhamento dos demandantes para serviços e órgãos de apoio. A esse conjunto, o Plurais dá o nome de Rede Cidadania Arco-íris.

 

 

http://paroutudo.com/2016/lgbt-do-df-e-entorno-poderao-fazer-denuncia-via-whatsapp/

 

 

Comente esta matéria
Título: LGBT do DF e Entorno poderão fazer denúncia via Whatsapp
Seu nome:
Seu Estado:
Seu e-mail:
Comentário:
Segurança: Confirme o código:
OBS.: Nos reservamos o direito de deletar toda e qualquer mensagem contendo palavões, baixarias ou até mesmo termos homofóbicos. Favor respeitar as devidas fontes de cada matéria.
Comentários
Não há comentários.