Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2014
Adicionar a Favoritos RSS Facebook Linkedin Twitter Wordpress
   
Selecione abaixo:



Anuncie AQUI
Celebridades GLBT
ClicRN
Estadão
Folha on Line
Istoé
Jornal da Paraíba
Paradas gays - News
Portal de Picos
Portal Terra
Saúde
Ultimas Notícias
Outras notícias
Flórida registra seu primeiro divórcio gay
JK Rowling responde a fã se havia um clube gay na escola de Harry Potter
Nos veem como inimigos, diz casal gay que driblou lei para se casar na Rússia.
Irlanda realizará em maio referendo sobre casamento homossexual
Projeto promove Brasil como destino turístico LGBT na Espanha

Tribunal de Mato Grosso concede adoção de criança a casal Gay

30/04/2010:

 

Desembargadora Maria Helena Povoas
 
Depois da decisão do Superior Tribunal de Justiça, que abriu jurisprudência ao permitir a adoção de crianças a um casal de Lésbicas do Rio Grande do Sul na última terça-feira, uma nova decisão dada nesta quarta-feira pela justiça do Mato Grosso concedeu adoção a um casal formado por dois homens.

A decisão unânime foi tomada pela Segunda Câmara Cível do TJ, no julgamento da apelação de um dos parceiros interessados na adoção.


Um membro do casal já detinha a guarda da criança por adoção. A criança já reside com o pai adotivo, que concorda expressamente com a extensão da paternidade ao seu companheiro. Eles estão juntos há seis anos. Laudos da assistência social que cuidou do caso comprovam o entrosamento da criança com o casal.

“De todas as discriminações de que são vítimas os Homossexuais, a negativa de reconhecimento de direito de ter filhos é a mais cruel, pois torna inviável a realização pessoal do indivíduo, que sonha em ter filho, neto e transmitir e receber amor e carinho”, acrescentou a desembargadora Maria Helena Povoas.

Ela lembrou ainda que nem o ECA e nem o Código Civil trazem qualquer restrição quanto ao sexo, estado civil ou orientação sexual do adotante.
 
Central de Notícias Gays

 

Comente esta matéria
Título: Tribunal de Mato Grosso concede adoção de criança a casal Gay
Seu nome:
Seu Estado:
Seu e-mail:
Comentário:
Segurança: Confirme o código:
OBS.: Nos reservamos o direito de deletar toda e qualquer mensagem contendo palavões, baixarias ou até mesmo termos homofóbicos. Favor respeitar as devidas fontes de cada matéria.
Comentários
Não há comentários.