Quarta-feira, 16 de Janeiro de 2019
Adicionar a Favoritos RSS Facebook Linkedin Twitter Wordpress
   
Selecione abaixo:



Anuncie AQUI
Celebridades GLBT
ClicRN
Estadão
Folha on Line
Istoé
Jornal da Paraíba
Paradas gays - News
Portal de Picos
Portal Terra
Saúde
Ultimas Notícias
Outras notícias
STF vota fim da proibição de doação de sangue por homossexuais
Jovem é agredido e ameaçado de morte, em festa, por ser homossexual
Dragon Ball Super: Elenco fala sobre possibilidade de Whis e Bills serem gays
Doação de sangue e o Supremo: saúde e igualdade
Frota perde ação, diz que juiz é do movimento gay e “julgou com a bunda”

Universo gay é o tema do lançamento da Fábrica de Leitura

21/01/2009:

 

Jovem autor do Rio de Janeiro narra desventuras de um jovem homossexual que faz das festas de sábado seu campo de batalha em busca da felicidade.

Depois de Sábado à Noite
é o livro de estréia de Kiko Riaze e próximo lançamento da editora Fábrica de Leitura. Navegando pelo universo homoerótico, o livro narra de forma alegre e leve, e às vezes também um tanto crua e bastante explícita, a história de Cadu, um jovem por volta de 30 anos, bonito, bem-resolvido profissionalmente, independente e...  Homossexual!!

O autor reconstrói um mundo cada vez menos hipócrita que deixa de ser rotulado de universo paralelo. O autor Kiko Riaze é homossexual assumido, tem uma relação conjugal estável e sua condição sexual não é segredo e tem apoio do pai e da mãe e dos dois irmãos mais novos. “O livro surgiu da vivência que tenho no meio gay, mas o apoio de minha família é uma segurança. Com ele posso tratar do tema com mais conforto, sem constrangimentos”, afirma o autor.
Kiko criou Cadu que, sendo ou não seu alterego, personifica a luta e a perseverança de um jovem, não por acaso gay, em sua saga para encontrar alguém que o complete, que o acompanhe. Entre os dois, criador e criatura, a crença de que é possível viver um grande amor num mundo em que o sexo se torna cada vez mais banalizado e as relações entre os indivíduos cada vez mais superficiais.

É nessa busca que Cadu em muito se assemelha a qualquer ser humano adulto, solteiro e em busca de felicidade amorosa. Mas há diferenças.  E isso se explicita na linguagem de Depois de sábado à noite que muitas vezes se assemelha aos textos publicados em revistas direcionadas ao público gay, com cenas fortes, gírias do “gueto” e sexo explícito.  Para Kiko tais cenas surgem da necessidade de desmistificar o sexo gay. “O sexo heterossexual invade nosso dia a dia de várias formas, através da televisão, do cinema, das revistas, da música, livros e gibis, enquanto o sexo homossexual segue visto como uma abominação. Até hoje um "possível" beijo gay nas telenovelas causa uma enorme polêmica. É preciso quebrar alguns tabus”.

Para além da hipocrisia, Depois de sábado à noite traz à tona um universo que na verdade é corriqueiro, mas que muitos desconhecem ou preferem ignorar. A busca do amor não tem sexo. O ser diferente sendo igual é o que mais nos toca, nos comove, nos iguala. O sábado é de todos nós.

Depois de sábado à noite

Autor: Kiko Riaze
Editora Fábrica de Leitura
Nº de páginas: 256
Preço sugerido:  R$ 31,90

Assessoria de Imprensa:
Nexo Comunicação
(
51) 3061 1323/ (51) 9196 0249
nexo@nexocomunica.com
Fábrica de Leitura
www.fabricadeleitura.com.br

 

 

Comente esta matéria
Título: Universo gay é o tema do lançamento da Fábrica de Leitura
Seu nome:
Seu Estado:
Seu e-mail:
Comentário:
Segurança: Confirme o código:
OBS.: Nos reservamos o direito de deletar toda e qualquer mensagem contendo palavões, baixarias ou até mesmo termos homofóbicos. Favor respeitar as devidas fontes de cada matéria.
Comentários
Não há comentários.