Terça-feira, 19 de Setembro de 2017
Adicionar a Favoritos RSS Facebook Linkedin Twitter Wordpress
   
Selecione abaixo:



Anuncie AQUI
Celebridades GLBT
ClicRN
Estadão
Folha on Line
Istoé
Jornal da Paraíba
Paradas gays - News
Portal de Picos
Portal Terra
Saúde
Ultimas Notícias
Outras notícias
Tanzânia realiza prisão em massa de pessoas acusadas de serem homossexuais
Famosos se revoltam e ironizam decisão da Justiça sobre homossexualidade: Doença
Anitta se emociona ao falar sobre a ‘cura gay’
Justiça permite que psicólogos pratiquem a 'cura gay'; Conselho recorrerá
Por que não tentamos tratar pedófilos em vez de homossexuais?

Gays são menos agressivos que héteros, diz estudo

19/01/2006: Gays são tão agressivos quanto pessoas heterossexuais, mas estão menos propensos a manifestar fisicamente essa agressividade. A informação é de um recente estudo publicado pela Nottingham Trent University, da Grã-Bretanha.
A pesquisa envolveu o uso de questionários com três tipos diferentes de testes psicométricos. No total, foram 150 questões que calcularam o índice de agressividade e as formas como essa agressividade era demonstrada. Foram ouvidos 182 homens.

O trabalho teria comprovado, segundo os pesquisadores, que nem todos os atos agressivos envolvem violência física e que existem várias formas indiretas de agressão. Um dos exemplos, segundo o trabalho, seria a exclusão de uma pessoa de um grupo ou a divulgação de boatos sobre alguém.

Este seria o primeiro trabalho a relacionar preferência sexual e agressividade. Os cientistas constataram, embora haja pouca diferença entre gays e heterossexuais no nível de raiva, que os gays tendem a ter mais empatia e entender as emoções das pessoas.

Redação Terra

 

Fonte: Terra

Comente esta matéria
Título: Gays são menos agressivos que héteros, diz estudo
Seu nome:
Seu Estado:
Seu e-mail:
Comentário:
Segurança: Confirme o código:
OBS.: Nos reservamos o direito de deletar toda e qualquer mensagem contendo palavões, baixarias ou até mesmo termos homofóbicos. Favor respeitar as devidas fontes de cada matéria.
Comentários
Não há comentários.