Mangabeira Shopping nega constrangimento ao grupo A Liga Gay

0

Direção do shopping se reuniu na noite de ontem com artistas do grupo

A administração do Mangabeira Shopping se reuniu no início da noite dessa segunda-feira (18), com membros do grupo intitulado A Liga Gay e as artistas que visitaram o estabelecimento na última semana a fim de realizar a gravação de um vídeo. Após a reunião, foi divulgada uma nota, na qual o shopping diz ter mostrado as imagens do circuito interno das câmeras de segurança comprovando, segundo a assessoria, que, em nenhum momento, houve desrespeito com os artistas, que gravaram um filme dentro do estabelecimento.

A administração aproveitou a oportunidade para esclarecer, mais uma vez, que o contato prévio com o setor de Marketing é um procedimento padrão de segurança que deve ser seguido para toda e qualquer manifestação artística ou cultural que não seja promovida pelo próprio Shopping, bem como em caso de uso de adereços, máscaras e fantasias.

“Em nome do respeito e da transparência com seus clientes, o Mangabeira Shopping colocou à disposição de qualquer pessoa e da imprensa as imagens do circuito interno para demonstrar a correção de suas ações. O grupo também foi informado de que procedimento semelhante ocorreu em outra ocasião com um coral de crianças que foram para o shopping fazer uma apresentação natalina sem o entendimento prévio”, diz a nota.

“Quando o Maestro Tio Dhyda Alegria adentrou ao shopping, a equipe de segurança fez a abordagem e avisou que eles deveriam passar pelo procedimento padrão. Quando a equipe chegou o Coral já tinha ido embora. odavia, a equipe de Marketing entrou em contato e, em seguida, convidou o grupo a fazer a apresentação. Foi o mesmo procedimento adotado junto aos artistas no último domingo”, acrescenta.

 

http://www.wscom.com.br/noticias/paraiba/mangabeira+shopping+nega+constrangimento+ao+grupo+a+liga+gay+-229366

Compartilhar.

Sobre o Autor

Comments are closed.